Etiquetas de Validade

Etiquetas de Validade – Identificando os alimentos e prazos

As etiquetas de validade são utilizadas como uma importante forma de controlar a qualidade dos alimentos produzidos e industrializados após abertos. Este é um ponto chave das Boas Práticas Manipulação, pois erros na identificação refletem negativamente podendo ser motivo de reclamações gerando insatisfação dos clientes que muito provavelmente não retornarão mais ao restaurante se comerem algo estragado.
Alimentos industrializados contém as informações de lote, fabricação e validade após aberto impressas no rótulo, informações estas que somente tem importância enquanto o produto se mantiver lacrado e fechado sem contato com o ar. Boa parte das bactérias causadoras de doenças precisam de oxigênio para se manterem vivas, por isso o contato com o ar reduz sua validade, tabém conhecida por shelf-life.
Após abertos, os alimentos devem ser consumidos em um período de tempo controlado para manter seu aspecto, cor e sabor desejados. Este controle é feito através das etiquetas de validade que informam a data que o produto foi aberto e o dia até o qual este deve ser consumido. Um cuidado especial deve ser dado aos enlatados, que devem ser retirados da embalagem metálica e armazenado em potes. Uma boa dica ao comprar alimentos industrializados, é cuidar o tamanho das embalagens, pois muitas vezes as embalagens maiores tem preços mais atraentes, porém de nada adianta se o alimento não for consumido dentro do seu prazo de validade.
Alimentos produzidos no estabelecimento também devem conter a data de produção e validade. Os prazos são definidos seguindo os critérios de atividade de água, teor de proteína e temperatura de armazenamento. Elaborar uma planilha com os prazos de validade ajuda muito operacionalmente.
Gráficas produzem estas etiquetas sob medida em rolos a um custo bem acessível. A padronização dos campos que devem ser preenchidos e o tamanho devem ser considerados ao orçar. O material também deve ser avaliado, pois nada adiantará se a etiqueta molhar e ficar ilegível.
Os funcionários devem ser conscientizados através de treinamentos periódicos sobre a importância das etiquetas de validade e sua fidedigninade. Reetiquetar alimentos vencidos é considerado crime de natureza sanitária podendo colocar em risco a saúde dos consumidores. O controle falho neste procedimento pode gerar descarte e prejuízo além de complicações com os órgãos fiscalizadores. Consulte uma nutricionista para trabalhar com prazos que não prejudiquem a qualidade dos alimentos e evitem o descarte de alimentos.
 
Um abraço,
Nutricionista Luciane Ostrowski CRN2: 10600D
 

Comments are closed.